spot_img
segunda-feira, março 4, 2024

Últimos Posts

Inspirado na Cultura de Rua, Mano Brown fala sobre originalidade e legado em manifesto criado para exaltar a parceria com FILA

A relação da FILA e Mano Brown, apesar de ter sido oficializada com recente parceria, vem desde os anos 80, quando o rapper já escolhia a marca para criar suas produções e traduzir sua originalidade nos palcos e nas ruas. Hoje, ambos se juntam para celebrar a cultura do Hip Hop em um manifesto que fala sobre a ligação da cultura street com a história da marca e toda a representatividade do Mano Brown nesse movimento.

Celebrada em diversos clássicos FILA, criados para homenagear grandes jogadores que estavam em ascensão na liga de basquete profissional, a cena Hip Hop ganhou modelos que tomaram as ruas e posicionaram a marca no streetstyle. Hoje, simbolizando toda a herança e legado que a FILA possui, a presença de Mano Brown ao lado de dois ícones da marca (apresentada em conteúdos exclusivos criados com o rapper que serão lançados em breve) confirma a importância histórica de cada exemplar que se transformou em peças-desejo e itens de coleção.

Um deles é o Grant Hill, um sneaker collab desenvolvido com o famoso jogador de basquete da época de ouro da NBA (anos 90), e que já foi usado por Tupac na icônica capa do álbumAll Eyez On Me” – as novas cores do modelo, representado pela atitude de Mano, estão previstas para chegar às lojas no próximo mês de setembro. O outro é o M-Squad, inspirado em uma das maiores estrelas da liga norte-americana, que estará disponível também em tons inéditos a partir de novembro deste ano.

Mostrando que o estilo da cena hip hop é a união do esporte e da moda, o líder dos Racionais MC’s, influenciou gerações, não só na música, mas também com seu o estilo, que mistura elementos das suas origens com novas tendências. E a FILA possui protagonismo nessa estética, uma vez que a relação da marca com o rapper começou ainda na juventude, por volta dos 16 anos de idade, quando Brown se inspirava na capa de um disco que exibia a imagem de um tênis da FILA e nas pessoas que utilizavam as peças da marca.

50 anos do Hip Hop

Um dos movimentos culturais mais influentes e expressivos da história, o Hip Hop surgiu nas periferias do Bronx, em Nova York, na década de 70. Mais especificamente em uma festa realizada em 1973, pelo DJ Kool Herc, que revolucionou a música misturando dois discos, isolando e prolongando as batidas, dando origem aos primórdios do gênero musical. Foi a partir desse momento que surgiu o rap, o break dance e o grafite, principais manifestações do hip hop, que se tornaram populares entre os jovens. O movimento ganhou notoriedade pelo mundo, impactando não só a música, mas a dança, a arte e a sociedade como um todo.

No Brasil, e no resto do mundo, o hip-hop começa a ser difundido por volta dos anos 1980. São Paulo foi o grande pólo das primeiras manifestações do gênero no país, tendo a estação São Bento do Metrô, no centro de cidade, como o berço e referência da cultura Hip Hop nacional. O local era ponto de encontro de vários grupos, que se reuniam para escutar as músicas vindas dos Estados Unidos, acompanhados de novos passos de dança. O ritmo influenciou a carreira de vários artistas, entre eles o Racionais MC’s, o maior conjunto de rap nacional, do qual Mano Brown faz parte.

MANIFESTO:

“Pra mim, a rua é muito mais que só o corre
É cinzenta, mas tem cor para a sua ousadia
Tem arte que te inspira
É barulhenta, mas tem ritmo pro seu movimento
É mistura de tudo, é atitude
É nesse palco de cimento
Onde você deixa a sua marca
Expressa originalidade, e cria o seu legado.
Hoje a minha voz está nas ruas
Afinal, a minha herança não pode ser contada só pela música
Eu escrevo ela através dos meus passos”

ÚLTIMOS POSTS

Não Perca