Home Rap Nacional Felipe Flip lança “Do Nada”, onde traduz como a paternidade virou do avesso alguns sentimentos e proporcionou um resgate da sua própria infância
Felipe Flip - Do Nada

Felipe Flip lança “Do Nada”, onde traduz como a paternidade virou do avesso alguns sentimentos e proporcionou um resgate da sua própria infância

por ZonaSuburbana

Ao mesmo tempo em que amadureceu 12 anos apenas no primeiro ano de vida do seu filho, Isaac, o rapper paulistano Felip Flip também encontrou na paternidade a leveza e a inocência com que os olhos de uma criança enxergam o mundo. Tal percepção deu uma chance ao artista de se permitir a ser a criança que restou dentro dele. Todo esse entendimento foi traduzido na música “Do Nada”, cujo título faz alusão à reviravolta causada pela chegada da cria em sua vida. A faixa está disponível, a partir de hoje, 26 de novembro, nos aplicativos de streaming (ouça aqui) e também ganhou um videoclipe no canal de YouTube.

Inspirada no hip-hop lofi, Do Nada” traz a força do sentimento na letra contornada pela suavidade da melodia, que representa a relação leve que Flip mantém com Isaac, de 7 anos.  Minha vida já teve várias reviravoltas, minha visão já mudou muitas vezes. Mas a chegada do meu filho foi a maior de todas”, conta o cantor e compositor. “A partir do nascimento dele, eu conheci um amor novo, algo incondicional mesmo. Esse é o sentimento com que quero olhar para o mundo”, completa.

Inclusive, a maneira como a paternidade mudou as relações e a visão de Flip sobre o mundo pode ser percebida nos singles que antecedem “Do Nada”. “Mato e Morro” e “O Que Ela Quiser” apresentam, respectivamente, como ele lida nas conexões com amigos e família e com paixão e atração. Estas três músicas fazem parte do disco que marca a estreia-solo do rapper, que, em breve, terá data de lançamento anunciada. 

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações