Home Noticias Rapper Kodak Black é condenado a prisão por violar condicional

Rapper Kodak Black é condenado a prisão por violar condicional

por ZonaSuburbana

O rapper Kodak Black terá que cumprir pena de 364 dias de prisão após ser condenado por violar os termos de sua liberdade condicional.

Dieuson Octave – nome real de Kodak Black – estava na prisão desde 28 de fevereiro depois que uma mulher o acusou de por suposta agressão em uma boate em Miami, que por sua vez implica em uma violação das regras da prisão domiciliar que o artista estava fazendo. Ontem foi a última aparição perante o juiz que tinha agendado com o rapper depois de ser considerado culpado na semana passada, o tribunal de Fort Lauderdale (Florida), ele não se declarou culpado das acusações de agredir a mulher mencionada.

O julgamento começou com a notícia de que a Kodak havia demitido Gary Kollin e Allan Stephen seus dois advogados dando o posto de defesa para Bradford Cohen, um renomado advogado da Flórida. Cohen argumenta que Kodak não era maduro o suficiente para enfrentar um tempo de prisão – e que apelou pois ele realmente não representava nenhum perigo para a sociedade. Além disso, o próprio rapper fez um pedido ao juiz alegando que “a decisão que você fizer poderia ser o fim ou o começo da minha carreira.”

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações