spot_img
domingo, março 3, 2024

Últimos Posts

Emicida faz show “AmarElo encontra A Love Supreme” inspirado em jazz de John Coltrane

Shows únicos e memoráveis. Esse é o conceito do Rio Montreux Jazz Festival, que chega a sua terceira edição em outubro, no Parque Bondinho Pão de Açúcar, Morro da Urca, e também na Orla do Rio de Janeiro e Forte de Copacabana. O evento receberá grandes nomes da música brasileira e internacional, levando apresentações exclusivas, como Emicida, que fará uma homenagem a John Coltrane no último dia de evento no Pão de Açúcar. 

Quando a gente lançou o disco AmarElo, eu fiz uma série de postagens com referências que influenciaram o processo. Uma delas é o disco A Love Supreme, de John Coltrane. E agora em outubro a gente vai ter oportunidade de explorar ainda mais essa influência na experiência AmarElo encontra A Love Supreme”, afirma Emicida sobre o show.

A 3ª edição do Rio Montreux Jazz Festival será aberta, dia 11 de outubro, no Palco Villa-Lobos, no Parque Bondinho Pão de Açúcar, com o puro jazz do contrabaixista John Patitucci, que traz ao Brasil seu all-star Electric Guitar Quartet apresentando David Gilmore, Steve Cardenas e Brian Blade. O repertório contará com obras que viajarão por toda sua discografia, do Classic Jazz até o Jazz-Fusion. Na sequência, Al Di Meola voltará a empunhar guitarras elétricas em um show inédito no Brasil, Al Di Meola Acoustic Eletric Band desenvolvido especialmente para o festival, onde um dos mais aclamados guitarristas de jazz do mundo fará dois formatos na mesma apresentação: um totalmente acústico e outro elétrico.

No dia 12, a noite começa com a homenagem a um dos grandes nomes da música brasileira: João Bosco. O artista mineiro proporciona mais um momento exclusivo, revisitando sua carreira acompanhado por Jaques Morelenbaum, Vanessa Moreno e Mestrinho no musical intitulado “O Corsário: O Coração Tropical de João Bosco”. Fechando a noite de quinta-feira, Ney Matogrosso celebra seus 50 anos de carreira, ao lado de Liniker, Ana Canãs, Duda Brack e Filipe Catto, no espetáculo “Sangue Latino: 50 anos de carreira de Ney Matogrosso”.

Na sexta, Hermeto Pascoal, reconhecido como um dos maiores nomes mundiais do jazz, traz a celebração “A nave mãe no Rio Montreux”, O último show da noite é uma grande festa ao Nordeste brasileiro, “Viva Nordeste” com Elba Ramalho e Chico César recebendo a SpokFrevo Orquestra.

A última noite do Rio Montreux Jazz Festival 2023 receberá o ícone do Jazz, Billy Cobham. Billy virá com sua banda principal formada por Emilio Garcia na guitarra, Steve Hamilton e Camelia Ben Naceur nos teclados e Victor Cisternas no baixo, apresentando um show dedicado a toda sua discografia de mais de 40 anos. Fechando o Palco Villa-Lobos, Emicida vai surpreender ao apresentar o espetáculo inédito criado para o festival “AmarElo encontra A Love Supreme”, onde o artista recria seu show “AmarElo” inspirado pela masterpiece do Jazz, “A Love Supreme”, de John Coltrane.

Entre os shows principais que acontecem no Palco Villa-Lobos, o público ainda poderá curtir o palco Village, onde se apresentarão artistas de diversos estilos musicais como Nanda Moura com sua cigar box guitar e seu genuíno blues, Dani Spielmann e seu trio de choro, YEBO – musical inspirado na dança típica da África do Sul – e Maíra Freitas com seu quarteto de música instrumental além de outras atrações nacionais e internacionais.

A programação dos shows gratuitos na Orla da cidade e no Forte de Copacabana será divulgada em breve.

Ingresos estão disponíveis no site www.riomontreuxjazzfestival.com.br.

Programação Rio Montreux Jazz Festival 2023 

Parque Bondinho Pão de Açúcar, Morro da Urca 

Dia 11 de outubro – quarta-feira

Palco VILLA-LOBOS

22:30h – John Patitucci Electric Guitar Quartet

00h – Al Di Meola Acoustic Electric Band

Palco VILLAGE

21:50 e 23:30 – YEBO

Dia 12 de outubro – quinta-feira

Palco VILLA-LOBOS

22:30h – João Bosco convida Vanessa Moreno, Jaques Morelenbaum e Mestrinho

(O corsário: O coração tropical de João Bosco)

00h – Ney Matogrosso convida Liniker, Ana Cañas, Duda Brack e Filipe Catto

(Sangue Latino: 50 anos de carreira de Ney Matogrosso)

Palco VILLAGE

21:50 – Maíra Freitas e Jazz das Minas

23:30 – Nanda Moura

Dia 13 de outubro – sexta-feira

Palco VILLA-LOBOS

22:30h – Hermeto Pascoal & Grupo (A Nave Mãe no Rio Montreux)

00h – Elba Ramalho, Chico César e SpokFrevo Orquestra

(Viva Nordeste)

Palco VILLAGE

21:50 – Anders Helmerson Trio (Suécia)

23:30 – Dani Spielmann Choro Trio

Dia 14 de outubro – Sábado

Palco VILLA-LOBOS

22:30h – Billy Cobham Band

00h – Emicida (AmarElo encontra A Love Supreme)

Palco VILLAGE

21:50 – Veronese

23:30 – Anatole Muster (Suíça)

Sobre a venda de Ingressos

Pré-Venda

ÚLTIMOS POSTS

Não Perca