Home Rap Nacional Coletivo feminino de hip hop Fenda faz um desabafo violento com o single “Tenta”
FENDA - Tenta

Coletivo feminino de hip hop Fenda faz um desabafo violento com o single “Tenta”

por ZonaSuburbana

Sob o olhar atento da mob feminina de hip hop Fenda, os sentimentos de revolta e decepção foram canalizados e serviram de matéria-prima para a criação do single “Tenta”, com versos que  abordam desde haters até questões mais complexas, como racismo. A música é um lançamento do selo de Minas Gerais MacacoLab – braço da produtora A Macaco, que produz o megafestival Sarará – e chega acompanhada de um videoclipe com direção assinada por Limão Capeta Filmes, que pode ser assistido no canal do grupo mineiro no YouTube. O single já está disponível em todas as plataformas digitais de música.

A gente transformou ‘Tenta’ num desabafo violento”, define DJ Kingdom, integrante do conjunto ao lado de Laura Sette, Mayí, Iza Sabino e Paige. Como um complemento da potência da letra, o videoclipe vem carregado de cenas que concretizam reações agressivas, em uma narrativa fictícia e sangrenta. “Expurgamos toda essa carga de fúria acumulada, até porque não dá para sair por aí cortando cabeças”, satiriza a DJ sobre a concepção do roteiro. 

Produzida pelo DJ e beatmaker Coyote Beatz – conhecido por trabalhos com Djonga –, “Tenta” imerge o grupo mineiro no trap e deixa explícito como as artistas se sentem confortáveis para criar nesse universo sonoro. “Temos vários exemplos de nomes que fazem trap de qualidade e, por serem boas referências, influenciam a gente a fazer o nosso bem feito”, completa Kingdom, ressaltando a admiração pelo trabalho de Rico Nasty, Ebony, Tasha & Tracie e IAMDDB

Tenta” é o primeiro single do próximo EP da Fenda, que será lançado ainda em 2021. “Passamos por muitas coisas e alinhamos as nossas ideias, e o EP tem o propósito de narrar, por meio da arte, essa simbiose musical e pessoal que rola aqui na Fenda”, conta Kingdom sobre a essência coletiva do grupo. Além das produções conjuntas, as integrantes também seguem ativas nas criações-solo. Pela MacacoLab, em julho, Mayí lançou “Reai$”, um feat com o rapper paulista Malcolm VL; em agosto foi a vez dos EPs “Imagina a Gente”, de Paige e “Trono de Vidro”, de Iza Sabino chegarem às plataformas digitais de música. 

Antecedendo o novo trabalho, após tais produções solo, em setembro, as artistas voltaram a se reunir em uma participação no programa Experimente, do canal Bis, que recebe nomes emergentes da música brasileira. No episódio, disponível na GloboPlay, o quinteto performou as principais canções da discografia, como “Casa das Prima”, “Girlgang”, “Não Se Ofenda” e “Manda Foto de Agora”. 

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações