spot_img
sexta-feira, julho 19, 2024

Últimos Posts

Bottega Veneta apresenta “Portraits Of Fatherhood”, uma série de Fotografias por Carrie Mae Weems estrelando A$AP Rocky

Bottega Veneta apresenta hoje “Portraits of Fatherhood”, uma nova série de fotos por Carrie Mae Weems estrelando A$AP Rocky, encomendada pelo Diretor Criativo Matthieu Blazy. A série de seis imagens, apresentada no Dia dos Pais do hemisfério norte, mostra A$AP Rocky em um cenário caseiro com seus dois filhos pequenos, RZA e Riot Rose.

Essa é a evolução do Mr. Mayers”, diz A$AP Rocky, que hora é também anunciado como mais recente Embaixador da Bottega Veneta. “Isso sou eu incorporando e abraçando a paternidade, parentalidade, companheirismo e família, enquanto ainda trabalhando em todos os aspectos da minha carreira.”

As imagens ternas em preto e branco mostram A$AP Rocky segurando, abraçando e interagindo com RZA (2 anos) e Riot Rose (10 meses). Uma foto mostra Rocky levantando seu filho mais novo e beijando sua testa. Outra mostra os meninos em um piano de brinquedo, com Rocky tocando um teclado ao lado deles. As fotografias são acompanhadas por um curta-metragem, dirigido por Weems, com direção musical de Rocky.

Na sua franqueza, domesticidade e autenticidade sem flash, as imagens relembram a icónica série Kitchen Table de Weems, bem como a sua primeira exposição individual, Family Pictures and Stories (1981-1982), uma repreensão aos estereótipos negativos e às mensagens em torno da família afro-americana. Para a artista, que há muito fala da sua busca pela verdade através do seu trabalho, o projeto com A$AP Rocky representou “um gesto importante que não pode ser subestimado”.

As preocupações de Rocky como um homem afro-americano com filhos me comoveram profundamente. Historicamente, tem havido uma profunda falta de representação honesta da família Negra. Foi distorcido durante séculos. Esta foi uma oportunidade única para dizer algo não apenas positivo, mas verdadeiro – não apenas sobre a própria experiência de Rocky, mas sobre como isso se reflete na população em geral. Na esteira de todas as atrocidades cometidas contra os homens negros – principalmente por causa de sua masculinidade – Rocky pode ser visto com seus filhos, apaixonados. Ser capaz de expressar essa autenticidade através dele foi estimulante.”

Conheci a fotografia de Carrie pela primeira vez quando era estudante”, diz Matthieu Blazy. “Fiquei profundamente comovido com sua originalidade, engajamento e impacto social. Ao longo dos anos, carreguei comigo o poder e a importância de seu trabalho. Estou honrado por ela ter trazido suas lentes e visão para este projeto com Rocky, explorando a paternidade e o que ela significa hoje. As imagens mostram a realidade de Rocky como pai e como homem além da figura pública. O que mais me impressiona nas fotos é a intimidade delas.”

Para A$AP Rocky, o projeto representa não apenas uma evolução pessoal, mas uma declaração importante dentro de uma comunidade mais ampla. “Não creio que haja muitas pessoas na minha cultura que defendam a paternidade e a parentalidade. Essa personalidade de ‘player’ é muito pressionada. Quando você pensa em um rapper, você pensa na adolescência, no estilo de vida de solteiro. Quando você pensa em A$AP Rocky, você pensa em um playboy, um garoto bonito, com sutiãs sendo jogados no palco. Trata-se de mim como homem de uma mulher só, como homem de família. É sobre o que completa a minha vida agora: estar presente como companheiro e pai.

Além das interações primárias entre Rocky e seus filhos, “Portraits of Fatherhood” também traz para o enquadramento a fotografia secundária de família. Vemos Rocky folheando um jornal feito em casa com fotos de família. Um retrato solo mostra o rapper sorrindo com fotos de família emolduradas ao fundo. Uma natureza morta mostra um pequeno carrinho de brinquedo ao lado de um vinil produzido por Weems, com uma imagem de capa de A$AP Rocky quando criança com seu próprio pai.

Com o seu cenário cotidiano autêntico e foco além do produto, o projeto representa para Rocky um empreendimento sem precedentes. “Para mim, este é o primeiro desse tipo. É uma obra de arte colaborativa e coletiva que mostra a sinceridade do meu lugar e das interações como pai.”

ÚLTIMOS POSTS

Não Perca