Home Rap Nacional Mc Sid lança “Carta Nº 1” — em trabalho sobre Depressão
Mc Sid - Carta Nº 1

Mc Sid lança “Carta Nº 1” — em trabalho sobre Depressão

por ZonaSuburbana

Criando um enredo envolvente, o artista brasiliense, Sid, apresenta “Carta Nº 1” — primeiro seu novo projeto. “Cartas”, trás a história de Carlos Augusto Migli, personagem fictício nascido nos anos 90 acometido pela Depressão e apatia desde a sua juventude, males esses que somados ao seu contexto social, o levaram a um trágico fim.

Sid aborda temas polêmicos a partir da história de Migli, como Automutilação, Violência Doméstica, Vícios e Ausência Parental, mas sempre de maneira educativa, buscando trazer reflexão critica sobre os temas, enredo envolvente, e mensagem final de combate as mazelas que levam a Depressão com ênfase na prevenção ao Suicídio.

Sid promete um final inovador para o projeto, trazendo ainda mais reflexão. Com proposta inovadora, os vídeos do projeto serão lançado durante o Mês do Setembro Amarelo, nos dias 11/09, 18/09 e 25/09 porém com o último lançamento em 09/10, para nos lembrar que devemos nos preocupar com o Bem estar da Saúde Mental não só em Setembro mas durante o Ano Todo.

Os videoclipes estarão disponíveis no canal da Bendita Gravadora no YouTube e em todas as plataformas de streaming.

As batidas apresentam consistência para o projeto, trazendo varias subvertentes do Rap dentro do projeto, de Boom-Bap a Lo-fi’s. A produção musical ficou por conta de Ugo Ludovico.

Já na parte audiovisual a direção geral ficou por conta do cineasta Arthur Rendeiro, a produção executiva é de Henrique Franzosi, direção de fotografia por Adão Muro, direção de arte por Maria Paula Khernvald, roteiro por Helena Dubeaux, produção por Isabella Brasil e Helena Dubeaux, atuação do ator Paulo Sousa como Migli. Os videoclipes trazem simplicidade, porém com uma belíssima atuação, arte e fotografia, conseguem trazer a tona os sentimentos da obra.

A primeira música aborda o início da Depressão de Migli, por problemas familiares e não ser aceito socialmente. Numa pegada bem cinema, abandonado o modelo tradicional dos clipes do Rap Nacional.

Confira abaixo “Carta Nº 1”:

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações