Home Rap Nacional Jeza da Pedra une afro-samba e macumba atmosférica em novo single, “Vento de Oyá”
Jeza da Pedra - Vento de Oyá

Jeza da Pedra une afro-samba e macumba atmosférica em novo single, “Vento de Oyá”

por ZonaSuburbana

O músico Jeza da Pedra reinventa-se em “Vento de Oyá”, mesclando elementos de ijexá, afro-samba e macumba atmosférica na primeira faixa de seu novo disco “Exuberante Boca do Mundo (vol. I)”. A canção chega a todas as plataformas de streaming no dia de Santa Bárbara, que no sincretismo representa Oyá.

O single, tal como toda essa nova fase do artista, é fruto de um mergulho no universo dos orixás brasileiros, além de inspirado no lendário exu de umbanda Seu Sete da Lira, entidade midiática da zona oeste do Rio nos idos dos anos 60 e 70.

Este projeto inaugura um novo momento criativo do meu trabalho, onde busco referências musicais de ancestralidade em um contexto mais regional – neste caso, a zona oeste do Rio”, ele conta. “Quando eu era criança, meu pai me levava para a casa da minha avó no Mendanha (Campo Grande), e meus primos e eu íamos catar peixinhos no rio. Era tudo muito verde, cavalos cruzando as ruas normalmente, e, diferente de hoje, um terreiro de macumba a cada esquina. Além de um chamado espiritual, esse álbum vem de uma necessidade de exaltar as religiões de matriz africana, em um tempo onde elas são mais oprimidas do que nunca”, completa Jeza

Cria do Complexo da Pedreira, em Costa Barros (zona norte do Rio), o músico passou boa parte da infância e adolescência no bairro, entre igrejas neopentencostais, bailes funk e rodas de samba. Em 2017, Jeza lançou seu trabalho debut, o EP “Pagofunk Iluminati”, acompanhado da banda Afrojazz no show de estreia. Desde então, não é raro encontrar o artista dividindo o palco do Circo Voador ao lado de nomes influentes da música brasileira como Nação Zumbi, Rincon Sapiência e Baco Exu do Blues. Em 2018, o músico fez a sua primeira turnê internacional na Alemanha, tocando em Berlim e sendo convidado como atração da Parada LGBTQI da cidade Colônia, segunda maior da Europa. Possui parcerias com produtores de peso como Rick Beatz, UBUNTO e Alexandre Kassin, com quem lançou o elogiado EP “Jeza Kassin” em 2019.

Com arte de Lucas Cordeiro, produção musical e arranjos de Akadindo e Lucas Barata e mixagem e masterização de Bruno Giorgi, “Vento de Oyá” está disponível em todas as plataformas de música digital

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações