spot_img
terça-feira, março 5, 2024

Últimos Posts

Veja o que rolou na Festa Hot Pente

ZonaSuburbana esteve presente no evento Hot Pente que ocorreu no dia 14/03, na Livraria da Esquina em São Paulo e traz em primeira mão tudo de bom que rolou nesta grande festa da cultura Hip Hop.

10015166_235925103198623_1014089101_n 1555300_235926776531789_1981266246_n 1013849_235925316531935_1696969751_n 1014010_235925366531930_925090622_n 1377461_235925609865239_1835746379_n 1966869_235926669865133_1261188144_n

 Como surgiu, a ideia da festa Hot Pente: (ZonaSuburbana)

(Neomisia Silvestre)
Em março de 2013, idealizamos um projeto de festa afro-brasileira chamado “Obá – A Festa”, produzido por nós duas e Jonatha Cruz (que hoje dá continuidade). Mas, quando saímos, em setembro do mesmo ano, muitas pessoas questionaram nossa saída e quais eram os novos projetos da dupla.
A partir de então, passamos a questionar ao que nossa imagem estava associada e, diante da repercussão positiva da festa, vimos que era com a cultura negra, com a moda (porque as pessoas sempre elogiavam/elogiam o nosso estilo colorido e descolado, com os cabelos black power e/ou turbantes) e com a noite paulistana (produção de festas e eventos). Mas a ideia de criar a Hot Pente parte, principalmente, da ausência de festas com essa vertente negra, urbana, hip hop, e também de uma festa que a gente gostaria muito de ir.
Então, chegamos num termo chamado “favela luxo”, em que a gente pode curtir “música de preto”, trazer características da malandragem periférica, caprichar no figurino e aproveitar a noite com preço acessível. Passamos a buscar nossos contatos, falar com amigos, explicar do que se tratava o projeto, e aí as pessoas aderiram, curtiram a ideia e querem participar, sugerem coisas, estilos, DJs, músicas.
De alguma maneira, as pessoas nos veem como “agitadoras culturais” e “festeiras”. Mas, o que fizemos foi encontrar e somar essas pessoas para que o projeto possa fortalecer e ser referência na cena black e urbana de Sampa.
Diferente do que as pessoas costumam achar, o fato é que não somos modelos, não somos dançarinas profissionais, não somos cantoras, e não fazemos parte de nenhum movimento negro e/ou militante (ainda!). Mas, ao mesmo tempo, nos envolvemos em tudo isso. Somos: uma jornalista cultural e uma estudante de moda que, juntas, pensaram uma forma de unir todas essas vertentes (hip hop, hot pants, grafite, favela luxo, moda e danças urbanas) num só projeto de festa.

Quem são os idealizadores do evento? (ZonaSuburbana)

(Neomisia Silvestre)
Neomisia Silvestre – jornalista
Thaiane Almeida – estudante de moda

Qual a intenção por trás do projeto? (ZonaSuburbana)
(Neomisia Silvestre)

Fortalecer a cultura negra e urbana. Atrair e somar com pessoas que tenham projetos de hip hop pelo Brasil e exterior: artistas, DJs, dançarinos, grafiteiros, fashionistas, curiosos.

 Quais as expectativas para o evento? (ZonaSuburbana)

(Neomisia Silvestre)
A expectativa é que as pessoas possam se divertir (afinal, é uma festa!) e ter a HOT PENTE como referência de festa urbana e boa de dançar, além de poder dialogar com várias linguagens do hip hop é que isso se propague e que cada vez mais outras pessoas possam participar e somar com o projeto, além de poder dar abertura ao diálogo entre tais manifestações artísticas.

Que tipo de público vocês buscam atingir? (ZonaSuburbana)

(Neomisia Silvestre)
A princípio, todos os públicos, mas, especialmente, pessoas que gostam e se identificam com a cultura negra, hip hop e black.

Quais os meios de divulgação que estão utilizando? (ZonaSuburbana)

(Neomisia Silvestre)
Guias culturais da cidade de São Paulo – jornais, revistas, blogs, páginas de facebook com roteiros de festas e projetos culturais de cultura negra e urbana. Saímos no Catraca Livre, no Guia do Estadão, no site Be Style, no Estilo Black, no Uia Diário, Guia da Periferia, MadMag, blog Moda e Imagem. Também enviamos o projeto para alguns veículos internacionais de moda Street e/ou com foco na valorização da cultura negra.

Já existe agenda para novos eventos relacionados? Se sim, qual o intervalo entre os mesmo? (ZonaSuburbana)

(Neomisia Silvestre)
A festa acontecerá uma vez por mês. Ainda estamos fechando com algumas casas. Pode ser que a festa se torne itinerante. Como estamos na primeira edição, não podemos afirmar nada, mas podemos adiantar que tem agenda para abril na Casa Fora do Eixo (SP) e na Favela do Vidigal (RJ). Mas isso só será divulgado oficialmente na página da HOT PENTE.

Fotos de Felipe Prado:
https://www.facebook.com/media/set/?set=a.235924753198658.1073741834.229262527198214&type=1

1146657_235926579865142_72955636_n 1014010_235927379865062_1109507355_n 1240354_235926226531844_1583333709_n 10150610_235924763198657_1736775442_n 10150553_235925099865290_1060047011_n 10013890_235927206531746_1061594373_n 1900142_235924939865306_1955527874_n 10013280_235925416531925_1945623198_n

ÚLTIMOS POSTS

Não Perca