Home Discos “Flor de Baga”: o desabrochar de Bárbara Flor

“Flor de Baga”: o desabrochar de Bárbara Flor

por ZonaSuburbana

Bárbara Flor, 24 anos, é uma das promessas femininas da cena do R&B e Rap nacional. A jovem cantora, compositora e instrumentista lança em 2019 o EP “Flor de Baga” pelo selo independente Lado Sujo da Frequência (LSF). O álbum com seis músicas autorais marca o seu desabrochar como artista e ecoa para o mundo a potência de sua voz, expressão e sonoridade.

Em meio a batidas sintéticas e ritmadas, Bárbara Flor canta versos de amor e luta com delicadeza em seu primeiro disco solo. São canções que exalta migualdade de gênero, em poderamento feminino e amor – principalmente o próprio. As faixas “Menina da Vida” e “Lado de Fora” falam sobre batalhas diárias enfrentadas por mulheres e desconstroem estereótipos. Já as rimas melódicas de “Brisa Boa“, “Sobre Você“, “Um Trago” e “Límbico” expressam o ser e sentir a dois.

Bárbara Flor mora no Brasil há mais de 10 a nos, mas nasceu e cresceu em Corrientes, na Argentina. Estudou violino na Fundação Cultural Luzamor de Maringá ( PR) e a prendeu sozinha a tocar piano, teclado, violão e baixo. Da infância no país vizinho e dos pais que eram músicos herdou o gosto por rock e música clássica, e tem como referências as bandas Beatles, Pink Floyd e Led Zeppelin. Se encantou pelo rap nacional com Racionais e Sabotage, que conheceu quando veio morar no Brasil.

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações