Home Rap Nacional Emicida e Drik Barbosa fazem alerta sobre o trabalho infantil no Brasil em “Sementes”
Emicida & Drik Barbosa - Sementes

Emicida e Drik Barbosa fazem alerta sobre o trabalho infantil no Brasil em “Sementes”

por ZonaSuburbana

Entende-se por trabalho infantil as atividades econômicas e/ou atividades de sobrevivência, com ou sem finalidade de lucro, remuneradas ou não, realizadas por crianças ou adolescentes em idade inferior a 16 anos, ressalvada a condição de aprendiz a partir dos 14 anos, independentemente da sua condição ocupacional. O Brasil se encontra num estado de morbidez em que as pessoas parecem não se impressionar mais com números. Mas lá vai: existem 2,4 milhões de crianças e adolescentes no país em situação de trabalho proibido. Com a chegada de 12 de junho, Dia Mundial contra o Trabalho InfantilEmicida adiciona poesia ao tema com o intuito de sensibilizar, conscientizar e propor mudança neste cenário. Ele faz isso por meio da música “Sementes”, que tem a participação de Drik Barbosa.

Na música, o artista compara as crianças com sementes em desenvolvimento (e lembra que ambas não devem sofrer pressão no seu processo de florescimento).

Ele canta: “é muito triste, muito cedo, é muito covarde / cortar infâncias pela metade / pra ser um adulto sem tumulto, não existe atalho / em resumo, crianças não têm trabalho”.

A gente vive um momento em que é necessário falar sobre a problemática da Covid-19 nas periferias. Isso é urgente. A persistente falta de atenção dada ao trabalho infantil, algo que vem bem antes dessa pandemia surgir, se agrava ainda mais neste período, que deveria ser de paralisação e isolamento, mas resulta no inverso: mais crianças sendo empurradas para uma situação de trabalho desumano”, diz Emicida.

A letra de “Sementes” passa por tópicos alarmantes sobre a realidade do trabalho infantil no Brasil. No trecho em que Drik Barbosa diz que o trabalho infantil tem cor e endereço, ela se refere ao fato de que o número de crianças e adolescentes negros nessa atividade é maior do que o de não de negros (1,4 milhão e 1,1 milhão, respectivamente). A voz da artista também versa sobre uma menina que, aos 8 anos de idade, limpa casa de família em troca de comida. Nesse caso, ela aponta para a triste realidade de que, quando se trata de trabalho infantil doméstico, as meninas são a maioria (94,2%).

Sementes” ganhou um videoclipe que intercala animações com imagens de Emicida e Drik Barbosa. A faixa faz parte de uma campanha contra o trabalho infantil idealizada pelo MPT – Ministério Público do Trabalho, pela OIT – Organização Internacional do Trabalho e pela TST – Justiça do Trabalho e pelo FNPETI – Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil, confira abaixo.

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações