Home DiscosAlbum DJ Hum lança 15º álbum de carreira com temas instrumentais, “Alquimia”
DJ Hum - Alquimia

DJ Hum lança 15º álbum de carreira com temas instrumentais, “Alquimia”

por ZonaSuburbana

DJ Hum, produtor altamente conceituado e influente, nos apresenta o seu novo álbum “Alquimia”. Produzido durante o isolamento social, o conjunto de obras no estilo “beat tape” traz 10 temas de puro Hip Hop underground e instrumental, com influência do R&B, bossa nova, boom bap e lo-fi, adicionando um tempero frequentemente “soul” que coloca cada batida em plena execução e mantém a sua afinidade analógica.

O resultado, criativo do começo ao fim, é um marco para este momento de reflexão guiada, faixa a faixa, entre loops, filtros, cortes, scratchs e muito mais. Ouça “Alquimia”:

FAIXA A FAIXA

“Lu e as Estrelas” chega com 2 versões, lo-fi e boom bap mix. A ideia surgiu quando o artista conversava com a Lu, sua esposa. “Ela apontou pra cima e disse: Será que foi de lá que viemos? 

“All Night Long” foi originalmente lançada nos anos de 1983 e interpretada pelo grupo Mary Jane Girls. “Cresci ouvindo essa música nos bailinhos da quebrada e nas grandes festas das equipes de som. Agora, em 2020, fui convidado pra produzir uma versão instrumental. Confesso que foi um desafio. Regravar um clássico é de muita responsabilidade. Principalmente, executar todos os instrumentos, mixar e deixar moderno, mas, ao mesmo tempo, com uma cara vintage”. 

“Laís e Manu” é um samba jazz feito para homenagear as 2 filhas do DJ Hum. “Gosto de bossa nova, venho do berço do samba rock e dos bailes black. Não poderia faltar uma produção no estilo”. Esse som foi composto em parceria com o trompetista Reginaldo 16, do Funk Como Le Gusta.

“Pra Refletir” é uma canção feita pra estudar e relaxar aos embalos de piano, cordas e beat lo-fi Hip Hop.

“Recomeçar” inspira-se em “Summer Madness” (Kool & The Gang) e é a viagem jazzy do disco. “Tem piano Fender Rhodes, beat inspirado no grande J Dilla, melodia com infusão de sintetizadores espaciais na parte do solo. É um começo para despertar o novo e incentivar a superação de novos desafios”.

“Big Payback” (DJ Hum Refix) é uma celebração ao Godfather of Soul. Nessa track, uma combinação de elementos do hip-hop e colagens de vocais do Mestre James Brown chegam entre batidas criadas a partir de trechos de loops, scratchs e instrumentos analógicos. Altamente dançante. 
        
“Funk das Antigas” é pra quem curtiu os balanços dos anos 80s, época da função e dos bailinhos da quebrada. A produção vem no estilo boom bap. 

“Corra Pelo Certo” é elegante, um downtempo exuberante com filtros, sintetizadores e elementos fragmentados de soul e r&b. 

O Ciclo”, primeira música criada para esse projeto, traz a fluência de A Tribe Called Quest. “Esse é um dos meus grupos favoritos. Produzi um jazz Hip Hop, com o uso de sampler, filtros, instrumentos orgânicos e solo com sintetizador criando uma atmosfera espacial”.

Ao todo, esse é um disco instrumental que quer tirar as dúvidas e incertezas da vida moderna. “O mundo está mudando ou estamos fechando um ciclo? Escutem, reflitam nestes instrumentais, criem temas e rimas, se desprendam do comum, façam sua viagem, alcancem missões maiores, tenham fé e pensem positivamente. Este trabalho foi feito para que você acredite na mudança, descubra sua fórmula, misture os ingredientes contidos aqui e transmita a sua própria alquimia”.

Você pode gosta

1 comentário

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações