Home Rap Nacional Com beat romântico, Felipe Flip lança “Ruim de Esquecer”
Felipe Flip - Ruim de Esquecer feat Lio

Com beat romântico, Felipe Flip lança “Ruim de Esquecer”

por ZonaSuburbana

Voltado totalmente para a carreira solo e construindo uma nova etapa de sua trajetória musical, Felipe Flip lança “Ruim de Esquecer”, uma declaração de amor em forma de poesia, em novo feat com a artista curitibana Liu, da banda Tuyo. Disponível nas plataformas digitais e com videoclipe no Youtube, a música é o quarto single do novo disco, com previsão de lançamento no segundo semestre, e o primeiro via Olga Music, selo criado em parceria com a distribuidora ADA.

A letra é inspirada em fatos reais. É como um poema de alguém que está apaixonado, mas também sabe que amor é uma construção e que é preciso estar disposto a reconquistar a pessoa amada todos os dias, como no trecho “foi bom, mas foi ontem”. Esse alguém sou eu mesmo e tive a honra de contar com a ajuda da Liozinha para musicar essa poesia. Acredito que o público vá receber essa música como um convite à reflexão sobre a importância de assumir uma paixão e se dedicar a alguém que te faz bem. Independente da forma de amor, é cada vez mais valioso, principalmente nesses tempos insanos”, declara Flip.

Veja “Ruim de Esquecer”, abaixo:

Filho de mãe brasileira e pai nigeriano (este, inclusive, frequentava os ensaios promovidos por Fela Kuti), o rapper paulistano Felipe Flip vem construindo uma nova fase na carreira. O caminho percorrido por ele até aqui contabiliza experiências diversas, que vão da convivência com o seu filho, Isaac, ao seu início no rap junto ao grupo ZRM (Zero Real Marginal), contabilizando ainda a passagem pelo coletivo DamassaClan.

Dedicado à carreira solo, o rapper filtrou os aprendizados e se reconectou com a própria história para, assim, construir um alicerce sólido neste novo momento – “mais Flip, menos banca”. Felipe Flip vem da escola hardcore, da Vila Maria, em São Paulo, do lifestyle do skate e foi no rap que encontrou a melhor forma de expressar suas experiências e o modo de ver a vida.

O novo disco já tem nome: “Pela Cor”, e vai trazer uma manifestação mais pessoal do artista, sua luta, a luta afro-punk, o homem preto no rap. Projeto que explora o lado mais sensível do cantor, o álbum vem sendo produzido com Tuti Camargo e em colaboração com Lio. “O vocal da Lio me ajudou muito nas ideias, melodias, letras e construções de vida mesmo. Até então, eu lidava mais com homens, héteros, skatistas. Muito importante essa troca”, ressalta Flip.

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações