Home Editorial Ararinhas-azuis ganham pintura multicolorida de 26 metros de altura no centro de São Paulo
Uma homenagem às ararinhas-azuis

Ararinhas-azuis ganham pintura multicolorida de 26 metros de altura no centro de São Paulo

por ZonaSuburbana

A ararinha-azul é a fonte de inspiração do artista Pardal em sua mais recente empreitada, a pintura de uma empena na Avenida São João, na capital paulista. A arte é um chamado à reflexão sobre a importância da proteção da biodiversidade brasileira e os resultados da ação humana no planeta, trazendo o colorido da natureza em meio ao cinza de uma das maiores metrópoles do mundo. A pintura é a terceira ação de um projeto encabeçado pela Tintas Coral que tem como tema central a ararinha-azul, espécie considerada extinta em ambiente natural desde 2000 e que foi recentemente repatriada para seu habitat de origem, na Bahia, e contou com a produção e curadoria da Dionisio.Ag. Confira todo o processo de pintura neste vídeo.

O mesmo tema já deu origem recentemente ao avião mais colorido da América do Sul, com 58 cores. Ao lado da Azul Linhas Aéreas, a Tintas Coral nomeou Pardal, da Dionisio.Ag, para dar vida e cor a um Embraer 195 E2 – avião que já pode ser visto no céu do Brasil. As cores da paleta da ararinha-azul também estão presentes nas revitalizações de alguns pontos históricos de Curaçá (BA), cidade escolhida para acolher essa espécie em um viveiro até sua libertação na natureza, prevista para este ano. Coroando a parceria, o artista também coloriu com sua arte um muro centenário do município baiano em homenagem às ilustres habitantes que retornaram para casa. O objetivo da iniciativa é reforçar a importância de proteção da natureza, inspirando e empoderando a comunidade, já que a renovação sempre aumenta a autoestima e o orgulho de pertencimento.

Pouso na capital paulista

Na capital paulista, além da ararinha-azul, o grafite do artista também inclui o pardal, sua marca registrada, e o mapa do Brasil, que poderão ser vistos em cores vibrantes como Olho Grego, Azul dos Andes e Celeste Azul, para alertar sobre a importância da preservação dessa e de tantas outras espécies. O intuito também é apoiar o projeto Ararinha na Natureza, conduzido pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e a Association for the Conservation of Threatend Parrots (ACTP), da Alemanha, que resultou em 2019 na nobre missão de reintroduzir e proteger a ararinha-azul, espécie considerada extinta em ambiente natural desde 2000, para repatriar cerca de 50 dessas aves em seu habitat de origem. 

Eu me sinto honrado por ter feito esta pintura na minha cidade, no centro de São Paulo que é um lugar que eu amo. Tive a oportunidade de conversar com várias pessoas que passavam pelo local e até agradeciam por estarmos colocando mais cor na região do Minhocão, que tem se tornado uma galeria de arte a céu aberto. A mensagem principal deste trabalho é a liberdade, a preservação do meio ambiente e a celebração do retorno das ararinhas-azuis para o Brasil. Sou muito grato por fazer parte disso”, comenta o grafiteiro Pardal.

Todas essas ações fazem parte do movimento Tudo de Cor, da Tintas Coral, marca da empresa holandesa AkzoNobel, que, ao longo de 10 anos de história, já entregou mais de 2 mil projetos, com 20 mil imóveis renovados, 4,6 mil pintores formados e 1 milhão de litros de tinta utilizados. Além de colorir os espaços públicos e empoderar as pessoas, a AkzoNobel também tem a ambição de reduzir seu impacto no planeta. Um exemplo é a Reserva Tangará, localizada no entorno da unidade da companhia na cidade de Mauá (SP), que faz parte de um projeto da empresa em aumentar a conservação ambiental e restabelecer a vegetação original da Mata Atlântica. Com 700 mil m2, a área que corresponde a quase 10% da mata nativa do município.

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações