Home Rap Nacional “Anunciação” vira trap e marca retorno de Aggin
Anunciação - AGGIN

“Anunciação” vira trap e marca retorno de Aggin

por ZonaSuburbana

Após pausa de quase dois anos, Aggin retorna à cena musical do Distrito Federal ao lado de Jojo Baby, com o lançamento de “Anunciação”. O single tem como proposta a experimentação de uma nova vertente, que foge do Trap convencional e inclui batida inspirada em grandes nomes, como Lil Yachty e Babyface Ray. A música está disponível nas plataformas de streaming, acompanhada de clipe no YouTube do selo e produtora Obi

Apesar das referências culturais de peso e do beat acelerado até 200 bpm (batidas por minuto), a maior inspiração de “Anunciação” surge da própria vivência do MC, que passou grande parte da vida na cidade Estrutural e hoje reside em Caxias, no Maranhão. Lá, ele pôde ver a riqueza de talentos que não são valorizados no DF e, a partir daí, traduzir o sentimento em sua música. “Eu vejo um rapaz sonhador, que ainda acredita na música, no que pode fazer, em seu talento, na cena em que vive e ajudou a fortalecer. Vejo ele muito forte, um guerreiro”, comenta Aggin, sobre como se percebe nesta composição.

Anunciação” é sobretudo um aviso, de que Aggin voltou e vai continuar. A  composição chega com a mensagem de retorno do artista, após período no Maranhão e afastamento de lançamentos solo, mas que agora está novamente na cena. Também anuncia os sinais de romantismo do coração apaixonado do cantor, inspirado pela canção de Alceu Valença.  

Feita com objetivo certo, a música busca despertar no público energia eletrizante e contagiante, de levar os ouvintes a formarem roda, dançarem e se inspirarem na história do compositor, que acredita na música, na cena e no próprio poder transformador. A dança, inclusive, foi elemento marcante na gravação do clipe oficial. Contando com diversos amigos de Aggin e demais artistas da cena, o audiovisual foi gravado na Estrutural e no Guará, com assinatura da Obi Audiovisual

Espírito compartilhado pelo produtor do som, Jojo Baby, que viu no colega a oportunidade de inovar com sons de instrumentos de corda, graves mais curtos, agressivos e acelerados, e a presença marcante da bateria. Todos os elementos harmonizados para impactar e energizar o público. “Um pedaço da minha alma está ali também, não é só produção. Acho que é um pedacinho de mim, que botei ali e encaixou muito bem com o pedaço que Aggin colocou também”, Jojo Baby ressalta a conexão artística entre ambos. 

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações