Home Editorial Uma reflexão sobre “Nothing 2 Live 4”, nova mixtape de 22 Savage

Uma reflexão sobre “Nothing 2 Live 4”, nova mixtape de 22 Savage

por Arthur Venturi Vasen

Niilismo do rapper representa o sentimento de muitos jovens artistas

22 Savage lançou na segunda-feira (23) sua nova e aguardada mixtape “Nothing 2 Live 4”. Em 15 faixas, que seguem a batida trap que o rapper tem adotado desde o começo de sua carreira, 22 fala sobre se sentir cansado e as pessoas que o invejam, diz não acreditar em relações amorosas e, claro, destila seu ódio ao rapper 21 Savage, inclusive abrindo sua mixtape com a faixa que já se tornou um de seus hinos: “Ain’t No 21”.

Sempre aparecendo armado e dizendo que não é cópia de 21 Savage,  22 Savage diz que é sua evolução. Destratando mulheres e mostrando que gasta todo o dinheiro que ganha com a música comprando roupas, carros e bebidas, o rapper parece tentar conquistar seu espaço ao sol a todo custo, especialmente na faixa “Somebody”, onde fala sobre o esforço de se tornar poderoso, respeitado e reconhecido.

Muitos no rap não entendem o esforço de 22 Savage de recorrer a tantos recursos para ter sucesso, mas parece que o próprio título da mixtape responde essa pergunta. “Nothing 2 Live 4” pode ser interpretado como “Sem nada pelo que viver” ou, em uma tradução mais livre, “Sem motivos para viver”.

E assim parece que o rapper tem levado sua vida e sua carreira, tentando aproveitar ao máximo os momentos em que pode tirar um proveito da vida, não vendo sentido em muita coisa além disso. E em plena época de BlackLivesMatter, isso tudo ganha um peso adicional.

Para muitos jovens negros nos EUA, talvez a vida não faça realmente sentido. Em meio à violência policial contra a população negra, à pouca presença de negros em cargos de liderança, assim como altos índicies de desemprego, há pouca expectativa de se ter uma vida plena e feliz. Como escrevem as blogueiras do Instituto Geledés, o racismo não mata só através da bala, também possui um grande impacto psicológico.

A mixtape pode ser baixada gratuitamente AQUIConfira:

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações