Home EditorialDinossaurosRAP Disco Rap: “O Clã da Vila” de DBS e a Quadrilha

Disco Rap: “O Clã da Vila” de DBS e a Quadrilha

por Jefferson Ferreira

No ano de 2003 DBS lança seu trabalho solo, intitulado “O Clã da Vila”, disco que trabalhou após ter destaque com o RZO e que foi assinado como DBS e a Quadrilha, uma ótima referencia uma vez que o álbum veio recheado de participações, tivemos Lakers e Pá, Mano Reco (Detentos do Rap), Império ZO, Função RHK, Thaide, RZO, Dina Di, BNegão, Pregador Luo, Sátiras e HHC, além de Serginho, jogador da seleção brasileira de vôlei. Esse trampo do DBS teve a produção do DJ Cia e foi lançado pela Sky Blue Music, que foi responsável pela distribuição de vários clássicos do rap BR.

Destaque para a música titulo, “O Clã da Vila”, que reuniu o grupo Sátiras, HHC e BNegão, importante citar que nessa época era raro uma junção entre um rapper paulista e um carioca, e essa faixa selou essa união, que hoje é simplesmente comum no rap, onde vemos MC’s de todos os estados somando em uma mesma track. O “Clã da Vila” é aquele típico rap gangueiro, de maloca, vários flows se alternando e fazendo uma música longa se tornar incansável, um verdadeiro hino das periferias.

O álbum também trouxe os sucessos “Até Quando Deus Quiser” e “Vai Na Fé”, sendo essa última integrada a trilha sonora do seriado Turma do Gueto, vinculado a TV Record, mas além dessas “Nego Doido” e “Minha Família” ganharam o gosto popular nas ruas, devido as participações de Thaide, RZO e Dina Di, respectivamente, que somaram ao peso do Gordão Chefe.

O “Clã da Vila” é um clássico do rap nacional, com músicas que extrapolaram a barreira da música como segmento, e até quem não é adepto do hip hop curtiu faixas desse álbum, e a presentou um DBS mais próximos aos trabalhos iniciais com o RZO, e tem a cara do grupo, não só pela produção do DJ Cia, mas por toda a vivência e atmosfera da época. Vale lembrar que nesse período outros grandes nomes do rap nacional como o próprio RZO, Sabotage, Racionais, GOG, Facção Central, Face da Morte e Black Alien, só para citar alguns, lançaram seus trabalhos, e DBS se destacou no meio de tantos monstro, o que reforça o quão relevante é esse trabalho do “Clã da Vila”.

Confira abaixo o disco na integra:

Você pode gosta

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por sair, se assim desejar. Continuar Mais informações